Recapitulando

Recapitulando…

 Publicações da RGCE
Publicações da RGCE

Rodrigo Gimenez - Sócio Líder

Recapitulando…

 

Finalizamos o primeiro semestre do ano de 2022 e, relendo todos os artigos publicados, encontrei uma palavra em comum que reflete obviamente esse começo de ano, mas também a postura que precisa ser adotada pelas empresas e seus gestores.

A palavra é Mudança.

Seja estando atento a elas para se adequar e sobreviver, seja realizando essas mudanças, interna e externamente, pessoal e profissionalmente.

Neste artigo que finaliza o semestre, a ideia é pensar sobre alguns pontos que foram falados anteriormente, analisando se o caminho proposto se concretizou e está adequado. Também olhar o cenário mundial, pensando que o vento que bate lá, baterá cá em algum momento e olhar o cenário eleitoral, dentro e fora do país, para, com esse “mapa”, pensar no próximo semestre.

 Estados Unidos devem entrar em recessão este ano, diz economista-chefe da Dreyfus and Mellon

Recessão nos EUA prejudicaria recuperação econômica do Brasil, dizem especialistas

Bancos elevam probabilidade de recessão nos EUA e na Europa

Essas são algumas das notícias veiculadas nas últimas semanas no Brasil. Como já disse, o vento bate e vem. Porém, não é possível saber com exatidão quando vem, ou se será uma marola ou um tsunami.

Mas, assim como as pessoas estocam comida e buscam abrigo quando o aviso de uma tempestade é dado pelas autoridades, os empresários devem ficar atentos ao que acontece no mundo e estar sempre preparados.

Em um dos artigos anteriores, em que os eventos inesperados eram o tema, alguns itens importantes sobre como uma empresa deve se preparar cabem bem neste cenário que se apresenta.

Inovação e novas tecnologias, gestão de riscos, de mudanças, de custos e precificações nunca foram tão imprescindíveis.

Estamos em ano eleitoral, no Brasil e em outros países importantes da América do Sul, e engana-se o empresário que acredita que os resultados delas não interferem em seus negócios.

Independente do negócio, e independente do resultado das eleições, as transformações acontecem e, de uma forma ou de outra, afetam a todos. Volto a dizer o quanto estar preparado é essencial. As empresas que atuam no presente de forma estratégica, mas atenta a ele e ao futuro, são as que sentem com menor intensidade essas transformações e se mantêm no jogo.

Lembra que falei de Mudança. Por que ela é a grande sacada desse momento? Porque somente quem estiver pronto para mudar, no momento certo, sobreviverá ou se sobressairá, independente do que vier.

E mudança não é uma transformação total, na maioria das vezes, mas sim mudar o curso ou mudar a forma. E o momento certo é sempre antes do que a maioria pensa.

O momento certo de mudar de casa não é quando o segundo filho nasce e não tem um quarto para ele. O momento certo é quando se descobre a gravidez, ou até mesmo quando a decisão de engravidar foi tomada.

Assim como o momento certo de construir um abrigo antitempestade não é quando o anúncio de que ela vai chegar é dado. É quando você se muda para aquela casa, sabendo que é um local propício a isso.

Você, empresário, faz o que precisa ser feito no momento certo ou só vive apagando incêndio?

O empresário que só apaga incêndio pode até acabar se tornando um bom bombeiro, porém o seu negócio não cresce. No máximo, se o fogo é sempre baixo, ele fica no mesmo patamar para sempre.

Que tipo de empresário você quer ser? Quais resultados você quer para os seus negócios?

No artigo que falava sobre como fazer negócios em 2022, fiz algumas perguntas instigando as mudanças e o posicionamento e vou dar algumas respostas baseadas em fatos.

  • Sua empresa está preparada para ser encontrada e fornecer um serviço online? Sua empresa vende produtos físicos e não tem um e-commerce?

E-commerce segue em alta e tem crescimento de 12,59% no primeiro trimestre de 2022

Essa manchete mostra que quase 13% dos empreendedores que não eram encontrados e/ou não forneciam seus serviços de forma online mudaram sua postura. Isso quer dizer que a premissa era correta e que essa é, de fato, uma tendência em crescimento e que faz diferença nos resultados das empresas.

  • Como foi a produtividade no home office?

Home office fez salário render mais e produtividade aumentar, diz pesquisa

Essa é uma das muitas reportagens que encontramos sobre o tema. Obviamente, se trata de tipos de serviço onde o home office é possível. Mas, contra dados não pode se argumentar. E por isso a maior parte das empresas não estão voltando ao modelo tradicional. Se não aderiram ao home, usam o híbrido. Se sua empresa não está atenta aos dados externos e internos, está fadada ao erro.

  •  Qual o olhar estratégico para novos mercados?

Investimentos em startups devem ultrapassar US$ 10 bilhões em 2022, diz Distrito

Outra vez os números falando por si só. Novas ideias, novos mercados, mudanças de forma de atuar, até mesmo no próprio mercado. O olhar estratégico para esse cenário é essencial.

  • Quais soluções sua empresa traz para os clientes?

A era da experiência customizada: clientes querem soluções personalizadas

Se sua empresa ainda não entendeu isso, certamente seus resultados estão muito aquém do que gostaria e do que o seu mercado tem possibilidade. O foco atual é a experiência do usuário e fazer essa mudança de olhar e de forma de agir é urgente.

Mudanças, como venho falando desde o ano passado, ocorrem e sempre ocorrerão, algumas mais abruptas e de forma intempestiva, outras mais lentas e brandas, mas acontecem e, como também já foi falado, é possível e necessário estar preparado para elas.

Estar atento ao que acontece no mundo, nos outros mercados e no nosso país dá uma visão antecipada e estratégica do que pode vir. Analisar dados, métricas e estatísticas traz os fundamentos e embasamentos para a ação.

O segundo semestre, diante do cenário atual e das eleições que estão por vir, será no mínimo desafiador.

Devemos, como empresários, nos manter atualizados, atentos e sempre, claro, agindo.

 

#recapitulando #primeirosemestre2022 #2022 #mudança #ecommerce #homeoffice #pandemia #RGCE_simples #RGCE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

Perfil Equipe